Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2013

Salário mínimo gera desemprego?

A polêmica está ocorrendo nos Estados Unidos: Krugman afirmou que não há evidência de que a política de salário mínimo afete o nível de emprego , baseado nesse survey . De fato, a questão não é fechada, mas um bocado de gente argumentou sobre os problemas da política de salário mínimo, incluindo o Mankiw e o Steve Landsburg . No facebook, eu iniciei essa discussão, levantando reações interessantes do Guilherme Stein, do Felipe Garcia, do Ely Mattos e também do Prof. Sabino. Resumindo a discussão, desde os trabalhos de Card e Krueger , suspeita-se que haja pouco efeito do salário mínimo sobre o nível de emprego, mas outros estudos encontram resultados diferentes . A questão é empírica, uma vez que a teoria pode gerar diversos resultados, como bem coloca o Hugo Jales na introdução de um trabalho seu sobre os efeitos da política de salário mínimo no Brasil: "In a simple one-sector competitive markets model economic theory predicts that there will be some unemployment

Igualdade e justiça

Talvez na semana do falecimento do filósofo Ronald Dworkin , autor de livros como "A virtude soberana" e "Taking rights seriously" , devamos falar sobre justiça e igualdade. Dworkin foi um dos principais debatedores sobre o problema da justiça distributiva pós-Rawls.  No facebook, tenho visto a seguinte figura sendo postada por aí: Três pontos na discussão que podem ser elucidativos: Eu concordo com a ideia intuitiva do desenho: a de que igualdade nos meios nem sempre é suficiente por conta das diferentes capacidades de conversão de recursos em bem-estar (crítica de Arrow [Journal of Ph ilosophy, 1973] e Amartya Sen [em um monte de trabalhos] a John Rawls na questão dos bens primários) .   D e qualquer forma, a nomenclatura não é consistente na minha opinião. Toda teoria de justiça requer algum tipo de igualdade (legal, de direitos, de oportunidades, de recursos, de fins atingidos, etc.), como argumenta o Sen em "Equality of what?&quo